Exposição “Fósseis” homenageia o sagrado da vida vegetal.

O café Origem Cultural apresenta, até dia 09 de março, a exposição “Fósseis”, com trabalhos da artista Diana Gerbelli, que procura homenagear formas de vida vegetais eternizando-as como “fósseis” enaltecidos por texturas e cores.

Sobre as inspirações para os trabalhos expostos, o amor pela vida vegetal e o sentimento de proximidade com o sagrado que ela desperta, a artista comenta:

“A paixão pela botânica nasceu muito cedo. Desde criança me refugiava em bosques úmidos da Mantiqueira, observando as mais diversas formas, cores e texturas vegetais. Aquilo era um universo que me fazia sentir parte de algo sagrado, daí desenvolvi minha espiritualidade sem religião, mas crendo no grande milagre que é uma pequena semente conter a grandeza de uma árvore… Carrego isso como um tesouro. Hoje busco em meu trabalho simplesmente homenagear estas formas de vida, eternizando-as como “Fósseis”, trazendo ao observador o olhar poético que podemos ter sobre vidas tão simples e tão complexas ao mesmo tempo.”

Diana Gerbelli tem os pés enraizados na Serra da Mantiqueira desde que nasceu. Foi para “cidade grande” apenas para estudar, onde se formou artista plástica em 2003.

A argila é o material que melhor expressa sua essência…

 

“Quatro elementos que se combinam e se harmonizam criando, quase numa alquimia, peças que passam de terra macia a vapor d`água, repousando no tempo que, em seu ritmo lento, se prepara para o contato com o fogo, sua última etapa de gestação…”.

Outra paixão, além da cerâmica, é o estudo sobre a forma circular, que vem sendo desenvolvido desde 1999. Nele combinam-se arquétipos de sonhos; de ritos antigos; imagens de mandalas; ciranda e dança sagrada. Fontes preciosas do auto-conhecimento que se reflete em seu trabalho.

Na produção atual, Diana mistura a rusticidade da cerâmica com a delicadeza dos vegetais, ressaltados pelos óxidos naturais, e detalhes em cores aqui e ali…

Serviço:

Exposição “Fósseis” de Diana Gerbelli

De 05/02 até 09/03

Origem Cultural – Rua Jorge Barbosa Moreira, 58 – Vila Ema

Seg. à Sex: 9h – 20h

Sábados: 09h às 17h