Compras podem ter aumento de 20% na Black Friday; buscas por cupom e cashback crescem

As compras durante a Black Friday deste ano podem aumentar 20% em relação ao último ano, revela pesquisa divulgada pelo Cuponomia, portal que reúne ofertas com cupons de desconto e cashback para compras no e-commerce.

A pesquisa aponta que 76% dos consumidores efetuaram compras na Black Friday de 2018 e 96% pretendem ir às compras neste ano. Os consumidores já sabem o que vão comprar e só estão esperando a oportunidade para isso.

A data, que acontece no dia 29 de novembro, foi criada pelo comércio dos Estados Unidos. A Black Friday (sexta-feira negra) é uma megapromoção de vendas realizada na quarta sexta-feira de novembro (logo após o feriado norte-americano de ação de graças). A promoção também se popularizou no Brasil.

Hoje, a Black Friday já é a segunda data mais importante do varejo, atrás apenas do Natal, movimentando R$ 2,6 bilhões no mercado brasileiro de e-commerce em 2018, um crescimento de 23%, de acordo com dados do ebit.

A pesquisa entrevistou cerca de mil consumidores online de todas as regiões do país no período de 4 a 8 de novembro.

Cupons e cashback

Sendo a data mais conhecida por ofertas, muitos usuários partem em busca de cupons de descontos e do agora tão falado cashback. Segundo o Cuponomia, as buscas por cupom e cashback durante a Black Friday devem aumentar 30% em relação a 2018.

Dados internos do Google mostram que as buscas por cupons de descontos e cashback também aumentaram durante a Black Friday de 2018. Entre os serviços mais valorizados pelos consumidores, os cupons ficaram em segundo lugar, com 26%, ficando atrás apenas dos parcelamentos especiais, que atingiu 41%.. Em terceiro lugar, ficou a retirada em loja para compras online, com 23%. O cashback ocupou a quarta posição, com 11%.

No Google, a busca pelo termo promocional ‘Cupom’ apresentou um crescimento de 358%. Além disso, em 2018, 52% dos clientes realizaram compras em sites, 41% compraram em lojas físicas e 7% em ambos, segundo o Google.